Pesquisar este blog

17 de out de 2011

Top Five dos posts mais vistos da semana



1º_ Gabeira: o Zé Tanguinha no PSOL?



         Quem é o tal Gabeira? Gabeira, acompanhado de seu belo nariz, é membro-fundador do Partido Verde brasileiro e foi militante do PT. O sujeito é conhecido pelo seu passado. Se é limpo ou sujo vocês que o julguem, eu particularmente não consigo tomar posição sobre seu passado. Gabeira participou da Luta Armada contra a Ditadura aqui no Brasil, membro do Movimento Revolucionário Oito de Outubro. Não sou a favor da Luta Armada, mas o cara da tanguinha ganha ponto comigo por ser contra ditadura. O cara, pasme para quem não é da antiga, sequestrou um embaixador dos Estados Unidos, país imperialista. O Zé Tanguinha sequestrou o representante do país que se acha a Polícia do Mundo! Além destas coisas, Gabeira foi Repórter, estudou Antropologia e até mesmo exerceu a profissão de condutor de metrô. Ô, finalmente um "comunista" operário,: coisa que está ficando rara!



                 
Tudo bem, mas o que Zé Tanguinha faz agora? Gabeira não abriu um aloja de tangas, antes fosse isso. O cara virou um direitista disfarçado de esquerdista ou continuou esquerdista só que querendo ganhar voto da direita. Bom, isso diria alguém. Mas, porém, contudo, todavia você acha que há a possibilidade algum socialista de que estirpe, vertente, etc., desdenhar o sonho de um mundo melhor dizendo que isso é "sonho de jovenzinho", "utopia pura", etc.? Não faria sentido militar por algo que não crê!  [...] Clik no título acima para ler o restante



2º  Amanda Gurgel se recusa a receber prêmio empresarial

Prezado júri do 19º Prêmio PNBE,
Recebi comunicado notificando que este júri decidiu conferir-me o prêmio de 2011 na categoria Educador de Valor, "pela relevante posição a favor da dignidade humana e o amor a educação". 
 
    A premiação é importante reconhecimento do movimento reivindicativo dos professores, de seu papel central no processo educativo e na vida de nosso país. 
A dramática situação na qual se encontra hoje a escola brasileira tem acarretado uma inédita desvalorização do trabalho docente. 

Os salários aviltantes, as péssimas condições de trabalho, as absurdas exigências por parte das secretarias e do Ministério da Educação fazem com que seja cada vez maior o número de professores talentosos que após um curto e angustiante período de exercício da docência exonera-se em busca de melhores condições de vida e trabalho..
 
     Embora exista desde 1994 esta é a primeira vez que esse prêmio é destinado a uma professora comprometida com o movimento reivindicativo de sua categoria.  [...] Clik no título acima para ler o restante


3º_ Crise terminal do capitalismo? _ por Leonardo Boff



     Tenho sustentado que a crise atual do capitalismo é mais que conjuntural e estrutural. É terminal. Chegou ao fim o gênio do capitalismo de sempre adapatar-se a qualquer circunstância. Estou consciente de que são poucos que representam esta tese. No entanto, duas razões me levam a esta interpretação.

     A primeira é a seguinte: a crise é terminal porque todos nós, mas particularmente, o capitalismo, encostamos nos limites da Terra. Ocupamos, depredando, todo o planeta, desfazendo seu sutil equilíbrio e exaurindo excessivamente seus bens e serviços a ponto de ele não conseguir, sozinho, repor o que lhes foi sequestrado. Já nos meados do século XIX Karl Marx escreveu profeticamente que a tendência do capital ia na direção de destruir as duas fontes de sua riqueza e reprodução: a natureza e o trabalho. É o que está ocorrendo.

       A natureza, efetivamente, se encontra sob grave estresse, como nunca esteve antes, pelo menos no último século, abstraindo das 15 grandes dizimações que conheceu em sua história de mais de quatro bilhões de anos. Os eventos extremos verificáveis em todas as regiões e as mudanças climáticas tendendo a um crescente aquecimento global falam em favor da tese de Marx. Como o capitalismo vai se reproduzir sem a natureza? Deu com a cara num limite intransponível.

[...] Clik no título acima para ler o restante

4º_ Deus nos livre de um Brasil evangélico - Ricardo Gondim




Avanços numéricos de evangélicos em algumas áreas já dão uma boa ideia de como seria desastroso se acontecesse essa tal levedação radical do Brasil.
        Imagino uma Genebra brasileira e tremo. Sei de grupos que anseiam por um puritanismo moreno. Mas, como os novos puritanos tratariam Ney Matogrosso, Caetano Veloso, Maria Gadu? Não gosto de pensar no destino de poesias sensuais como “Carinhoso” do Pixinguinha ou “Tatuagem” do Chico. Será que prevaleceriam as paupérrimas poesias do cancioneiro gospel? As rádios tocariam sem parar “Vou buscar o que é meu”, “Rompendo em Fé”?
       Uma história minimamente parecida com a dos puritanos provocaria, estou certo, um cerco aos boêmios. Novos Torquemadas seriam implacáveis e perderíamos todo o acervo do Vinicius de Moraes. Quem, entre puritanos, carimbaria a poesia de um ateu como Carlos Drummond de Andrade?

[...] Clik no título acima para ler o restante


5º_ Admito: sou Ateu! _ por Lucas Gonzaga


Um "Deus", na minha adolescência, veio a mim na maior cara mal lavada e me disse:


_ Dar-te-ei tudo isto se, prostrando-te diante de mim, me adorares.(Mt 4) Creia no que eu estou te falando: É só determinar em meu nome que tudo lhe será feito!

_ Mete o pé retardado, respondi ao maldito.

"Deus" que costuma dominar a América do Sul e tem crescido a cada dia mais, pregando a Teologia de Midas no meio evangélico, em certas afro-religiões e ainda em mais outras. Não, esse cara está brincando com a pobreza da Minha Gente, aproveitando-se do desespero alheio para, prometendo mundos e fundos, enriquecer-se. Não acredito nesse "Deus".

Se na palavra atheos, o prefixo "a" é uma negação e a palavra "theos" significa "Deus", não hesito em admitir que, do "Deus" citado acima eu sou ateu! 


[...] Clik no título acima para ler o restante

0 Comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores


Mais Jogos no Jogos Online Grátis - Jogos de Meninos