Pesquisar este blog

3 de out de 2011

O medo global _ por Eduardo Galeano



Os que trabalham têm medo de perder o trabalho.
Os que não trabalham têm medo de nunca encontrar trabalho.

Quem não tem medo da fome, tem medo da comida

Os automobilistas têm medo de caminhar e os peões têm medo de ser atropelados.
A democracia tem medo de recordar e a linguagem tem medo de dizer.

Os civis têm medo dos militares, os militares têm medo da falta de armas, as armas têm medo da falta de guerras.

É o tempo do medo.

Medo da mulher à violência do homem e medo do homem à mulher sem medo.

Medo dos ladrões, medo da policia.

Medo da porta sem fechadura, ao tempo sem relógios, ao menino sem televisão, medo da noite sem pastilhas para dormir e medo do dia sem pastilhas para despertar.

Medo à multidão, medo da solidão, medo ao que foi e ao que pode ser, medo de morrer, medo de viver

2 Comentários:

Henrique Castro disse...

Oba,
sabe dizer a referencia dessa citacao?

Preso por fora disse...

Eduardo Galeano

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores


Mais Jogos no Jogos Online Grátis - Jogos de Meninos