Pesquisar este blog

30 de jun de 2011

"O SANTO": Sérgio Cabral admite erro ao chamar bombeiros de vândalos após invasão ao Quartel

        
Depois de tudo:_ Eu errei!

         Desculpem-me os leitores deste blog, porém já estou cansado de escrever sobre Sérgio Cabral e como já disse, não quero saber sobre a vida pessoal deste sujeito, exceto é claro se estiver relacionado com o interesse do bem comum. Reproduzo abaixo o texto do homem que levou 6 tiros, este, Ricardo Gama, que aliás, apenas sabe escrever sobre Sérgio Cabral. A linguagem é diferente do que costumo fazer aqui mas é interessante. A anistia dos Bombeiros está próxima, o que falta agora é a negociação de um reajuste de verdade e não os míseros 5 e poucos por cento. 

Lucas Gonzaga

                                                                                                 

    Agora que Sérgio Cabral está se afundando na lama da sujeira e da corrupção, ele vem a público pedir desculpas por ter chamado os bombeiros militares de "vândalos".

O povo todo está revoltado e indignado com a falta de moral e de ética do "santo" Sérgio Cabral.

    Não se iludam, se para Sérgio Cabral se safar tiver que colocar uma saia em praça pública e dançar, ele fará.

       Sérgio Cabral é o omisso e o covarde de sempre, o que chamou mulheres de favelas de "fábricas de delinquentes", professores e médicos de "vagabundos", e bombeiros de "vândalos".
    O que Sérgio Cabral deve fazer é explicar as suas amizades com empresário beneficiados em contratos bilionários com o governo do Rio, e os 50 bilhões em isenções fiscais !!!

Reprodução do jornal Estado de São Paulo


       SÃO PAULO - Em entrevista à Rádio CBN, na manhã desta quarta-feira, 29, o governador do Rio, Sérgio Cabral, admitiu que errou ao chamar os bombeiros de vândalos, ao se referir à manifestação realizada por cerca de 440 oficiais, que invadiram o Quartel Central da Corporação no último dia 3 de junho.

   "Eu errei quando chamei eles de vândalos. Eles erraram, se comportaram mal (na invasão do quartel), mas é uma instituição muito querida da população. Estou fazendo minha mea-culpa. A anistia vai ao encontro desse desarmamento de espírito", disse o governador.

    Também durante a entrevista, Cabral, que é alvo de denúncias de opositores após se tornarem públicas suas relações pessoais com os empresários Fernando Cavendish, dono da Delta Construções, e Eike Batista, do grupo EBX, rebateu as críticas sobre seu envolvimento com os empresários.

    "Eu sempre procurei separar vida privada e vida pública. Jamais tomei decisão na vida pública misturando vida privada. Quero assumir esse debate de um código de conduta", disse.
O caso veio à tona com a queda de um helicóptero que servia aos familiares do governador e de Cavendish. O empresário perdeu a mulher, Jordana, e o enteado. Mariana Noleto, 19 anos, namorada de Marco Antonio Cabral, filho do governador, também morreu no acidente.

                                                                                                                         

Outros textos que poderá interesar- lhe:

TSE recebe recursos contra diplomas de 13 governadores eleitos em 2010, inclusive contra Sérgio Cabral

A luta não terminou

Atores "globais" se manifestam em apoio aos BOMBEIROS!

Nem um passo daremos atrás _ Quem é vândalo?

Evento em Copacabana e reflexão de qual é a classificação dos Bombeiros

 

 

 


0 Comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores


Mais Jogos no Jogos Online Grátis - Jogos de Meninos